terça-feira, 31 de julho de 2018

Moradores de Limoeiro cobram retorno das ambulâncias do SAMU


Há mais de duas semanas a base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) em Limoeiro está sem ambulâncias disponíveis para atender aos chamados da população. A cidade conta com duas unidades, sendo uma básica e uma avançada. A informação inicial seria de que os dois veículos estariam quebrados. No período junino, uma ambulância do SAMU de Garanhuns foi trazida para ajudar a demanda de Limoeiro, mas depois foi retirada. Na programação da Rádio Jornal Limoeiro, as reclamações são constantes. Ambulâncias de municípios vizinhos, a exemplo de Passira, estão ajudando no socorro de vítimas, porém, demoram um tempo maior para a chegada e isso tem revoltado a população. Questionada pela nossa reportagem, a Prefeitura Municipal de Limoeiro emitiu uma nota (abaixo) justificando a ausência das ambulâncias.

“A Prefeitura de Limoeiro informa que as ambulâncias do Samu encontram-se em conserto e no aguardo de peças para os devidos reparos. Ressaltamos que a troca da frota do Samu só pode ser realizada de cinco em cinco anos e está prevista para março ou abril de 2019. Atualmente o município conta com três ambulâncias em funcionamento (Cedro, Gameleira e Ribeiro do Mel) e, através da realização de um processo licitatório, a Prefeitura conseguiu a aquisição de uma nova ambulância para Limoeiro que chegará dentro de poucos dias. Reforçamos, por fim, que finalizado o conserto dos veículos que pertencem ao Samu, todo atendimento será regularizado”.

BLOG DO AGRESTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário